sábado, 22 de julho de 2017

Os Treinadores Disponivies no Mercado Brasileiro

Doriva Atlético GO 
Alexandre Golo Vitória BA
Rogério Zimmermann Brasil de Pelotas RS
Pachequinho Atlético PR
Eduardo Baptista Coritiba PR
Roger Machado Atlético MG 

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Kleiber Beltrão foi eleito hoje Vice-presidente da AIPS para as Américas

Parabéns ao amigo Kleiber Beltrão, eleito nesta quinta-feira (13), na cidade de Cali, na Colômbia, para o cargo de vice-presidente de L'Association Internationale de La Presse Sportive (AIPS) para América do Sul.
Foi a quarta vitória do nosso presidente em um período de três anos. Além do cargo que passa a ocupar na AIPS, a partir desta quinta, sendo o único brasileiro a integrar a nova diretoria daquela entidade, Kleiber Beltraopreside a nossa ABCD pelo segundo mandato consecutivo e ocupa a cadeira majoritária da diretoria executiva da ABRACE, para a qual foi eleito com 95% de aprovação dentre as 22 Unidades da Federação filiadas à entidade que congrega a crônica esportiva brasileira. Ainda vale destacar que Kleiber foi conduzido por aclamação à vice-presidência da AIPS. Todos os 19 países presentes no Congresso o apoiaram.
Legenda, da esquerda para a direita: Gabriel Cazenave (presidente da AIPS América), Kleiber Beltrão (vice-presidente da AIPS para a América do Sul) e Gianni Merlo (presidente da AIPS Mundial).

CurtirMostrar mais reações
Comentar
Comentários

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Corinthians Há 115 dias sem perder faz 2 x 0 dentro do Allianz e Cala Torcido do Palmeiras

Guilherme Arana  foi o dono do jogo  


A invencibilidade geral já é de 27 partidas, a quarta maior da história co clube, superando as 26 de Tite no início de 2015. Refazendo a pergunta que abre este texto: alguém será capaz de parar o Corinthians?

Com o perdão do clichê, time de Fábio Carille sabe sofrer. Ontem, permitiu que o jogo fosse todo disputado perto de sua área, sempre protegida por um sistema defensivo que funciona em sincronia impressionante. O Palmeiras tentou de todos os jeitos no primeiro tempo, pelo chão e pelo alto, mas não conseguiu criar tanto. Já do outro lado....

Guilherme Arana se infiltrou na defesa alviverde aos 21 minutos e foi derrubado por Bruno Henrique. Era a bola que o Timão esperava: Jadson bateu muito bem o pênalti e fez 1 a 0.

Com a vantagem, o Corinthians apostou ainda mais em sua fortaleza defensiva. Cuca, então, lançou seu time totalmente à frente logo no intervalo: tirou Bruno Henrique e pôs Borja para compor trio de atacantes com Dudu e Willian. Róger Guedes, outro atacante virou lateral-direito. Água mole em pedra dura?

Não foi esse o ditado que funcionou no segundo tempo. O Corinthians colocou em prática o “quem não faz, toma”. Diante de um Palmeiras com ainda menos ideias – e mais cruzamentos – do que na etapa inicial, os visitantes deram outro bote certeiro com a dupla Romero-Arana. Aos 19 minutos, o paraguaio percebeu mais uma ótima infiltração do lateral e o deixou livre para ampliar.

Cuca tirou mais um homem de defesa (Thiago Santos) e colocou outro atacante (Keno), mas o excesso de atletas ofensivos não se converteu em uma pressão. Mina como centroavante também não adiantou...

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 0 X 2 CORINTHIANS
Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data-Hora: 12/7/2017 - 21h45
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jose Eduardo Calza (RS) e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)
Público/renda: 39.091 pagantes/R$ 2.744.600,04.
Cartões amarelos: Borja, Dudu e Thiago Santos (PAL), Guilherme Arana, Cássio, Jadson e Rodriguinho (COR)
Cartões vermelhos: -
Gols: Jadson (22'/1ºT) (0-1), Guilherme Arana (19'/2ºT) (0-2)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Tchê Tchê, Mina, Edu Dracena e Egídio (Zé Roberto, aos 35'/2ºT); Thiago Santos (Keno, aos 21'/2ºT), Bruno Henrique (Borja, no intervalo) e Guerra; Róger Guedes, Dudu e Willian. Técnico: Cuca.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo (Pedro Henrique, aos 26'/2ºT) e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson (Marquinhos Gabriel, aos 39'/2ºT), Rodriguinho (Camacho, aos 47'/2ºT) e Romero; Jô. Técnico: Fábio Carille.

terça-feira, 11 de julho de 2017

Abel Braga Cobra União de Técnicos e Fala em Paralisação do Brasileirão

As recentes demissões de técnicos no Brasil, como Eduardo Baptista, Vagner Mancini e Rogério Ceni, por exemplo, precisam ser respondidas com uma medida firme da classe de profissionais, afirmou Abel Braga nesta terça-feira. 

Questionado sobre o assunto, o comandante do Fluminense se posicionou de maneira veemente contra as demissões e falta de garantias aos técnicos. Para Abel Braga, está na hora dos técnicos de mais nome se reunirem. O técnico do Flumiense se dispôs a realizar uma greve e até parar o Brasileiro.


- Uma única coisa pode ser feita: pressionar o governo e alertar a sociedade que treinador de futebol é uma profissão. Você é demitido e não recebe direitos trabalhistas. O clube pede a CBF para contratar outro clube e tudo bem. E você não recebeu nada - afirmou Abelão, antes de complementar:

- Quando eu, Mano (Menezes), Autuori, Tite, Carille, Mancini (Vagner), Dorival Júnior.... Os caras grandes se reunirem e resolverem fazer uma greve, quem sabe. Jogador não faz greve? Eu não tenho esse direito? Tínhamos que parar o campeonato, temos que brigar pela classe, mas enquantos os cascudos não dizerem um basta isso (demissões) vai continuar a acontecer. É ridículo, mas ninguém para, ninguém grita "fora Fulano" para o dirigente que te contratou e demite dois meses depois. Quantos já foram esse ano? Isso não é motivo para discussão, é motivo para decisão - avaliou o experiente técnico e ex-jogador.

Em 12 rodadas disputadas do Campeonato Brasileiro, nove equipes já trocaram de treinador: Atlético-PR, Santos, Sport, Atlético-GO, Vitória, Bahia, São Paulo e Chapecoense. Abel Braga lembrou que a situação é ainda pior nas divisões inferiores do futebol nacional.

- Isso sem contar na Série C, D, que a gente nem sabe. Pessoal é demitido com quatro jogos. Você é demitido e ninguém te paga os direitos. No dia que me convocarem, eu vou fazer greve e suspenso a rodada. É minha classe. Estou com a minha vida estabelecida graças a essa profissão e quero ver tantos outros assim. Está na hora da gente ir para o pau. Estou disposto. Quero ver como ficam os patrocinadores, a imprensa, a torcida, Brasília sem uma rodada.

sábado, 8 de julho de 2017

Santos e Iranduba decidem vaga na final

Chegou a hora de conhecer o primeiro finalista da Série A-1 do Brasileiro Feminino de 2017! Santos e Iranduba se enfrentam neste sábado (8) com o objetivo comum de garantir vaga na decisão da competição pela primeira vez na história. O duelo decisivo acontece na Vila Belmiro, em Santos, às 21h, e as donas da casa entram em campo com vantagem. No jogo de ida na Arena da Amazônia, em Manaus, as santistas venceram por 2 a 1. 
O caminho até essa partida foi de muita dedicação: foram 17 jogos disputados, sendo que o Hulk da Amazônia venceu 12 e as Sereias da Vila 13. A campanha positiva das equipes foi destaque nesta edição do Brasileiro Feminino. De um lado, o Iranduba, com elenco jovem, encantou a torcida manauara - que quebrou recordes de público da Arena da Amazônia. Do outro, o Santos impressionou os torcedores alvinegros pelos resultados conquistados jogando em casa - o time da Vila está invicto como mandante. 
Neste sábado, as equipes têm mais 90 minutos de bola rolando para decidir quem vai alcançar o feito inédito de disputar o título de campeão brasileiro feminino. A melhor participação do Alvinegro havia sido em 2015, quando o Santos foi eliminado na Segunda Fase. Já a melhor trajetória do Iranduba, até então, foi no ano passado, quando o clube manauara também parou na Segunda Fase.
Para esse confronto decisivo, Santos e Iranduba apostam na força do ataque para sair da Vila Belmiro com o triunfo e a classificação. Nesta edição, o Hulk da Amazônia balançou as redes 35 vezes e as Sereias da Vila 32. 
O outro finalista será decidido entre Corinthians x Rio Preto neste domingo (9), na Arena Barueri, em Barueri (SP).